Páginas

segunda-feira, 31 de outubro de 2016

Entrevista: Rafael Beltrame fala sobre a Moostache Books, Guia de Classes e Mais!

Rafael Beltrame
Hoje teremos uma rápida entrevista com Rafael Beltrame, um dos maiores autores de Old Dragon. Responsável por títulos como O Forte das Terras Marginais e A Cripta do Terror, duas aventuras sensacionais inspiradas em grandes clássicos. Ele também é coautor dos suplementos Guia de Armadilhas (do qual temos uma resenha aqui) e do atualmente em pré-venda Guia de Raças.

Além da Redbox, Beltrame também escreveu outros suplementos para o Old Dragon publicados pela Unza: o Goblins em Campanha e o Machados e Martelos. Assim como o Sombras & Segredos, Forjados no Aço e o Mestres dos Caminhos Perdidos lançados em formato digital pelo seu próprio selo, a Moostache Books

Como o próprio Rafael Beltrame já havia anunciado, em breve teremos um Financiamento Coletivo de seu mais novo suplemento, o Guia de Classes. Este que deve compilar todo o material dos já lançados pela Moostache Books e mais, muito mais!

❖❖❖

Goblin's Loot: Poderia falar um pouco sobre a Moostache Books?

Rafael Beltrame: A ideia surgiu da vontade de escrever algo sem estar atrelado ao calendário da RB, que é bem ocupado! Com isso, surgiu o "livro dos ladrões", que mais tarde receberia o nome "Sombras e Segredos". Logo após, quis escrever os outros (um para cada classe), até que chegamos onde estamos hoje, com essa vontade imensa de que o financiamento do livro de classes (a compilação dos 4 livros) ganhe vida.

GL: O que o Guia de Classes é e o que ele não é?

Beltrame: O guia é isso mesmo, um "guia". Mas no sentido de "aquele que indica um caminho", e não uma "bengala". Com isso, quero dizer que ele é um livro de ideias, de formas de vermos diferentemente aquilo que estamos acostumados (quantos clérigos poção de cura, elfos arqueiros, guerreiros com espadas longas, vocês conhecem?). Claro, teremos novos equipamentos, novas regras, novas especializações e mesmo uma aventura em cada livro (no caso do Guia, as 4 juntas, mas jogadas de forma separadas). Tudo isso para flexibilizar ainda mais a ideia que podemos ter das classes básicas.

GL: Para aqueles que já possuem os suplementos de classe que foram publicados anteriormente, o que eles podem esperar de novo?

Beltrame: Além da diagramação sublime do Igor Moreno, teremos a pedida entrada sobre Guildas de Ladrões, e um texto muito interessante sobre a interação "raça/classe", vendo a forma como estas interagem. O livro não é um monte de regras novas para você dar um "power up" no personagem. Além disso, no Financiamento Coletivo, está planejado um segundo livro. Este, em brochura, trará um cenário auto contido, a Garra do Urso (que é a região onde as aventuras ocorrem). Isso sem falar nos badulaques e traquitanas maneiras que podemos esperar dos FCs, né?

GL: Por último, o que podemos esperar para o futuro?

Beltrame: Ah...o futuro... Bom, o Thiago Righetti começou dividindo o curral do Moostache comigo. Não era para menos que em um dado momento, ele compartilhasse da Moostache Books! Estudamos fazer outros livros dessa linha, mas que lembrem os livros azuis do AD&D 2ed (aqueles de auxílio aos Mestres). Temos também vontade (e algum material quase pronto) de entrar também com aventuras novas, tanto originais quanto homenagens aos clássicos da TSR. Aguardem, porque 2017 já deve pintar algum livro novo!
❖❖❖

Com isso, eu gostaria de agradecer ao Rafael Beltrame por ter se disposto a responder estas perguntas, assim como, por nos ter agraciado com esta prévia exclusiva que trás uma incrível ilustração de Dan Ramos, com vocês, a sensacional capa do Guia de Classes:


Lembrando a todos que o Financiamento Coletivo está previsto para novembro, por isso fiquem atentos e não percam este que tem tudo para ser um dos melhores títulos para Old Dragon! Mais alguém ansioso?

5 comentários:

  1. No aguardo do lançamento do financiamento! As aventuras individuais dos livros de classe eram bem bacanas e ajudaram a desenvolver a região da Garra do Urso.

    O cenário que mestrei a campanha de OD teve como ponto de partida essa região, inicialmente descrita na aventura "Que as aventuras comecem!". Hamming acabou sendo uma das minhas cidades preferidas com sua politicagem, corrupção e guildas de ladrões.

    Seria muito legal ter como meta extra no financiamento uma aventura que unisse os aventureiros desenvolvidos em cada uma das individuais como um grupo.

    ResponderExcluir
  2. Pô que legal, estava esperando a conclusão dos 4 livros (que eu saiba só sairam 3) e agora me deparo com a informação que sairá em um único volume, mal posso esperar!

    ResponderExcluir
  3. Taí um livro que vou ter prazer de ter na minha estante :D

    ResponderExcluir

Printfriendly

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...